Briza (Briza maxima L.)

Flora Silvestre Portuguesa

Espécie: Briza maxima L. Divisão: Magnoliphytas Classe: Liliopsidas Ordem: Poales Família: Poaceae (gramíneas) Sinonímia: Macrobriza (Tzvelev) Tzvelev. Nome comun: Briza, bole-bole, cocalheira, chocalhos, erva-dos-chocalhos. English name: Jiggle-joggles.

Um espanta-espíritos vegetal a tilintar no meio dos prados e pastagens antigas ao sabor do vento ou, por que não dizer, da brisa.

Identificação: A sua altura varia bastante, desde os cerca de 50cm até pouco mais de um metro. As suas espiguetas ovado-cordiformes (em forma de coração), cuja gluma proximal é geralmente avermelhada quando seca, organizam-se em cachos. As glumas são sempre menores que as glumelas mais próximas.

Tipo fisionómico: Terófito

Distribuição: Eurásia.

Habitat: Prados e pastagens, margens dos caminhos e ruderais. Bem adaptada a qualquer tipo de solo.

Floração: Primavera.

Princípios activos: Glícidos, proteínas, fibras.

Propriedades: Forrageira e decorativa.

Partes usadas: Toda a planta, com excepção da raiz.

Usos: Forragem e decoração.

Curiosidades: Existem cerca de cem espécies do género Briza espalhadas pelo mundo. As mais frequentes na Europa são a Briza maxima L., a Briza media L. e a Briza minor L., sendo que a media, ou intermédia, dificilmente se encontra na península de Lisboa, a sul de Torres Vedras.

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Poáceas com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Uma resposta a Briza (Briza maxima L.)

  1. Pingback: Poaceae (Poáceas/Gramíneas) | Herbalist

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s