Rabo-de-gato (Trifolium angustifolium L.)

flora silvestre

Espécie: Trifolium angustifolium L.
Divisão: Magnoliophytas
Classe: Magnoliopsidas
Ordem: Fabales
Família: Fabáceas (leguminosas)
Sinonímia: Trifolium angustifolium L. var. angustifolium.
Nome comum: Trifólio, rabo-de-gato, trevo-de-folhas-estreitas, trevo-massaroco
English name: Trifolium

Pode à primeira vista parecer tratar-se de uma gramínea, mas uma observação mais próxima depressa desfaz a confusão. Esta enigmática espiga é, na verdade, um trevo.

Identificação: Esta leguminosa pode atingir cerca de 90 cm, mas o mais comum é que não ultrapasse os 40. Distingue-se pela inflorescência cilíndrica, de flores bracteoladas de corola algo alaranjada. Caule pubescente, de folhas muito estreitas, subcompridas e glabras.

Tipo Fisionómico: Terófito.

Distribuição: Países mediterrânicos, Macaronésia.

Habitat: Encontra-se nas orlas das matas, nos terrenos incultos e nos ruderais.

Floração: Primavera/Verão

Princípios activos: Glícidos, proteínas.

Propriedades: Forrageira, melífera.

Partes usadas: Inflorecências.

Usos: Apicultura.

Curiosidades: Tal como acontece com as demais fabáceas, o rabo-de-gato tem a capacidade de fixar nitrogénio ao solo, fertilizando-o e preparando-o para diversos tipos de cultura, o que faz dele uma erva apropriado à criação de pasto como forma do pousio.

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Fabáceas com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Uma resposta a Rabo-de-gato (Trifolium angustifolium L.)

  1. Pingback: Fabaceae (Leguminosas/Fabáceas) | Herbalist

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s