Fumárias (Fumaria spp.)

flora silvestre

Espécie: Fumaria officinalis L.
Divisão: Magnoliophytas
Classe: Magnoliopsidas
Ordem: Ranunculales
Família: Papaveraceae-Fumariaceae
Sinonímia: Não encontrada.
Nomes comuns: Fumária, catarinas-queimadas, fumo-da-terra, erva-das-candeias.
English name: Fumitory, earth smoke.

Chamam-lhe fumo-da-terra por nos fazer lacrimejar. O seu estranho odor a fumo desde cedo a tornou num incensário natural capaz de fazer chorar os espíritos dos mortos que se acercam dos vivos com intuitos duvidosos… Mas nem só de superstição vivem estas nossas amigas, frequentadoras das valas e fossos do mundo temperado. «Mente sã em corpo são» é um slogan mais ao seu jeito, porque nenhum demónio se imiscui numa mente saudável.

Identificação: Herbáceas anuais, subtrepadoras e muito ramificadas, apresentam folhas de pequenas dimensões, penatissectas e verde-claras. As inflorescências brotam terminalmente em oposição às folhas correspondentes e compõem-se de pequenas flores zigomórficas, tubulares e tetrâmeras, que podem ir do branco ao rosa-velho e cuja zona apicial das pétalas internas apresenta uma mancha escura, arroxeada. São dotadas de dois estames e três anteras, sendo que apenas a central é biteca. Os frutos monospérmicos são aquénios globosos e muitas vezes tornam-se decisivos na identificação da espécie exacta.

flora silvestre

Espécie: Fumaria agraria L.
Divisão: Magnoliophytas
Classe: Magnoliopsidas
Ordem: Ranunculales
Família: Papaveraceae-Fumariaceae
Sinonímia: Não encontrada.
Nomes comuns: Fumária, fumo-da-terra, catarinas-queimadas.
English names: Field fumitory, earth smoke.

A F. officinalis é bastante rosada e apresenta inflorescência alongadas; a F. agraria é a maior deste género, com inflorescências claras, de cerca de 25-30 flores, cujo ápice das pétalas externas se apresenta rosado ou arroxeado, para além da característica mancha escura das pétalas internas, comum a todas as espécies.  A F. capreolata apresenta inflorescências geralmente brancas ou rosa-claras, em que pelo menos metade das flores, geralmente as inferiores, são inflexas.

A nível fitoquímico e terapêutico não se registam grandes discrepâncias entre as muitas espécies deste género, sendo, ainda assim, mais procurada a F. officinalis.

Tipo Fisionómico: Terófitos.

Distribuição: Endémicas da região mediterrânica e Sudoeste europeu.

Habitat: Surgem em matagais, margens de caminhos, margens de rios, searas, fossos e ruderais. Podem surgir como rupícolas em muros e passeios.

Floração: Quase todo o ano, dependendo da espécie, sendo que na Primavera estão sempre em flor.

flora silvestre

Espécie: Fumaria capreolata L.
Divisão: Magnoliophytas
Classe: Magnoliopsidas
Ordem: Ranunculales
Família: Papaveraceae-Fumariaceae
Sinonímia: Não encontrada.
Nomes comuns: Fumária.
English name: Fumitory, earth smoke.

Princípios activos: Coridamina, bulgaramina e 2-hidrofumarilina (alcalóides), taninos, flavonóides, sais de potássio, protoberberinas, mucilagem, benzodiazepinas e protopinas, colina e ácido fumárico.

Propriedades: Anti-acneica, antiespasmódica, antibacteriana, diurética, carminativa, adelgaçante, sedativa, anti-colesterol, anti-histamínica, depurativa, tónica-hepática, laxante, anti-tabágica, digestiva.

Partes usadas: Partes aéreas floridas.

Usos: A infusão de fumária está prescrita em casos de acne, deficiências biliares, gota, reumatismo, arteriosclerose, tabagismo, icterícia, taquicardia, cansaço, astenia e prisão de ventre. É empregue como adelgaçante, depurativo sanguíneo, laxante e diurético, bem como em enxaquecas de origem biliar, asma e hipertensão, na prevenção de tomboses e tromboflobites. Em loção, fervida em azeite, é aplicada topicamente sobre peles acneicas e impinges.

Os tratamentos com fumária não devem exceder os 2 meses, sendo que as tomas devem ser descontínuas. Não é aconselhável a crianças e grávidas nem a doentes que sofram de glaucoma ou epilepsia.

Curiosidades: O extracto de fumária é empregue como aromatizante natural de alimentos (cat. N3).

As flores são usadas desde a Antiguidade no tingimento de lãs, produzindo uma tonalidade amarela.

Como anti-tabágica, é usada na produção de cigarros que auxiliam quem procura deixar de fumar.

O físico árabe Avicena refere-a como tónica e depurativa.

A fumária é considerada uma planta mágica associada ao elemento terra e empregue em rituais místicos desde a Antiguidade Clássica, que visam a atracção de riqueza e o exorcismo de espíritos malignos.

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Fumariáceas, Papaveráceas com as etiquetas , , , , . ligação permanente.

Uma resposta a Fumárias (Fumaria spp.)

  1. Pingback: Papaveraceae (Papaveráceas) | Herbalist

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s